Artigos Universo


O universo das embalagens

A embalagem de um produto não é apenas um envoltório que armazena e auxilia no transporte de algo. Ela também protege, aumenta o prazo de validade, proporciona boas condições para o consumo e transporta com segurança produtos de diversos pesos e tamanhos. Para atender as necessidades de saúde, alimentação, vestuário entre outros, a embalagem é parte fundamental.


Características como eficácia para vendas, distribuição e envase são o que tornam a embalagem uma ferramenta estratégica para a competitividade no mercado, além de favorecer o máximo de aproveitamento de insumos e alimentos utilizados pela sociedade e colaborar para a diminuição do desperdício. 


Trabalhar com embalagens de qualidade faz toda a diferença no processo produtivo, pois gera economia de matéria-prima, facilita a distribuição, viabiliza a venda e o consumo do que se produz. 


Os centros industriais de produção são favorecidos pela embalagem pois ela melhora o armazenamento, a identificação, a rastreabilidade e a distribuição. No comércio, a embalagem mantém a segurança do produto e faz o marketing da marca, atraindo o cliente. Ao chegar nas mãos dos clientes, os produtos embalados com qualidade possibilitam o acesso às informações e proporcionam um manuseio e consumo seguros. 


É através da embalagem que as empresas agregam maior valor a seus produtos, justamente por ela ser a primeira apresentação daquilo que se vende. Essa indústria gera empregos diretos e indiretos, aumenta o lucro e consolida a marca no mercado. 


Atualmente a sustentabilidade tem se tornado ponto alto na indústria de embalagens. No Brasil, a reciclagem de materiais plásticos tem se destacado por desenvolver novas tecnologias sustentáveis como o plástico verde, produzido através da cana-de-açúcar. 


Aparentemente as embalagens não possuem tanto valor como parecem, mas ao se atentar aos benefícios, tudo o que será consumido precisa estar embalado e ser transportado. De forma subliminar o consumidor é influenciado pelas informações contidas em cada embalagem e essa é uma das estratégias para vender o produto e obter ganhos comerciais. 


Para o consumidor, o produto e a embalagem fundem-se em um único elemento que deve estar em plena sintonia com os valores da empresa, da sociedade e dos parâmetros globais de mercado, fazendo com que a embalagem passe a ser, cada vez mais, um elemento de competitividade que une diferentes interfaces, tantos em ganhos operacionais, logísticos e ambientais, como sociais e comerciais. 

Topo